Doutrina Espírita

Entrevista de Cosme Massi para o Jornal Vinha de Luz sobre a Doutrina Espírita

Confira a entrevista com o palestrante Cosme Massi sobre a Doutrina Espírita

Escritor, palestrando e estudioso da ciência e filosofia espíritas baseadas em Allan Kardec há mais de 30 anos. Idealizador do IDEAK – Instituto de Divulgação Espírita Allan Kardec e da Kardecpedia – plataforma online multilíngue e gratuita para o estudo das obras de Kardec. Autor de materiais educacionais e sites espíritas (DVDs, seminários, palestras e debates). Autor de publicações espíritas e dos livros que vem ajudando milhares de pessoas a estudar mais e melhor a obra “O Livro dos Espíritos”: “A Ordem Didática de O Livro dos Espíritos” e “Espírito e Matéria: Diálogos Filosóficos sobre as Causas Primeiras”.

Como estudar o espiritismo?

Nós sempre sugerimos que o espiritismo deve ser estudado a partir das obras de Allan Kardec. Allan Kardec no Livro dos Médiuns, no capítulo terceiro “O método”, dá uma orientação de como estudar o Espiritismo. Recomendo começar pela obra “O que é o Espiritismo?” que apresenta uma visão ampla do que seja o Espiritismo num formato agradável para quem está começando. A primeira parte da obra está no formato de um diálogo e a segunda parte, de pergunta e resposta. O leitor tem uma visão ampla dos princípios do Espiritismo. Depois sugere Kardec a leitura de “O Livro dos Espíritos” simultaneamente com as outras obras.

Por exemplo, para estudar a primeira parte de “O Livro dos Espíritos”, você vai lendo junto à obra “Gênese”, para estudar a segunda parte lê a obra “O Livro dos Médiuns”, a terceira parte em conjunto com a obra “O Evangelho Segundo o Espiritismo” e a quarta parte com a obra “O Céu e o Inferno”. E, ao mesmo tempo, você vai olhando os temas correspondentes que está estudando e buscando nos doze volumes das Revistas Espíritas.

Por isso que a gente sugere sempre o uso da KARDECPEDIA, esse site que une todas as obras de Kardec entre si. Então, se você está estudando a primeira parte de “O Livro dos Espíritos”, em alguma pergunta, você abre a pergunta na KARDECPEDIA e ela já faz o link com as outras obras de Kardec.

Com isso, todas as obras de Allan Kardec podem ser estudadas em conjunto. Para se estudar uma ciência, uma filosofia como o Espiritismo, é fundamental ler o autor mais importante, o autor mais completo e mais claro que é Allan Kardec.

Por que é tão importante para o Espírita, o embasamento teórico da Doutrina Espírita?

Porque sendo o Espiritismo uma ciência e uma filosofia, como define Allan Kardec no prefácio da obra “O que é o Espiritismo?”, não se pode estudar uma ciência, uma filosofia sem embasamento teórico. Toda ciência, toda filosofia se constitui como um corpo teórico claro com fundamentação prática, com interação com a experiência, mas uma teoria muito bem construída. Então do mesmo jeito que não se pode estudar física, química, biologia sem estudar teoria, não se pode conhecer o Espiritismo sem o estudo de sua teoria que se encontra nas obras de Allan Kardec. Essa teoria que vai te dar orientações inclusive de como colocá-la em prática por meio de experiência mediúnica ou dos seus princípios morais. Então, conhecendo a teoria, nós somos muito mais eficientes em colocar em prática.

Como podemos zelar pela pureza doutrinária de forma coerente e equilibrada sem faltar com a caridade para com o próximo?

Eu não gosto muito da expressão pureza doutrinária porque ela pode ter alguns significados que não sejam muito adequados para uma compreensão do que seja uma ciência, a necessidade de progresso e desenvolvimento que a ciência deve ter.

Estudando as obras de Kardec, conhecendo os princípios fundamentais do Espiritismo e suas diversas consequências, você está mais preparado para ler outros autores e fazer a comparação. Porque Kardec tem uma grande habilidade, todas as consequências que se extraem desses princípios em suas obras são colocadas com fundamento, com raciocínio, com argumentos, com embasamento empírico.

Então, vale a pena você aprender com Kardec o que é essa ciência espírita. Até para que você possa comparar com outros pontos de vista, para saber que pontos de vista são contrários à proposta kardeciana e que pontos de vista apenas estão também seguindo a mesma linha que Kardec propôs.

É estudar o Espiritismo nas bases de Allan Kardec para que você esteja preparado para ler qualquer ouro autor e tirar as próprias conclusões. Kardec em “O Evangelho Segundo o Espiritismo” na introdução, ao falar da autoridade do ensino dos espíritas, vai falar da importância de submeter todo o texto à analise da razão, à análise do bom senso, à comparação com aquilo que já está bem fundamentado na nossa consciência.

O Espiritismo exige exame constante, reflexão, raciocínio. Tratar as pessoas com respeito, mesmo àquelas que divergem do seu ponto de vista. Todas as pessoas merecem ser tratadas com caridade, com amor e benevolência. Isso faz parte do princípio espírita que é o princípio da caridade como a lei maior do ponto de vista moral.

Como o Espiritismo nos ajuda a entender os conflitos sociais? Que análise de texto fazer a luz da Doutrina Espírita?

O Espiritismo é uma ciência acerca da alma, dos espíritos e suas relações com os homens. E como estabelece a doutrina, nós somos espíritos encarnados e ela propõe a partir do conhecimento daquilo que é o espírito, de sua vida após a morte, e das leis de Deus uma ética. Uma ética que propõe uma vida muito mais feliz para todos, com respeito, com caridade. Uma doutrina que apresenta uma ética desse nível tem implicações sociais relevantes.

A ética nos diz o que nós devemos fazer, como cada pessoa em particular deve agir. Você não vai pautar sua conduta ética pela conduta das pessoas. Vai seguir a ética espírita independentemente do momento e do lugar em que você está vivendo, do contexto social em que está vivendo.

O dever do verdadeiro espírita é viver retamente na prática do bem, cumprindo as leis morais que aprendeu com o Espiritismo. Então, se ele vive num contexto social, essa ética vai ajudando a sociedade a se tornar melhor. Esse é o grande compromisso dele: viver a mensagem que aprendeu, o pensamento espírita, as leis naturais propostas pelo Espiritismo, deixando o mundo ao controle da Providência divina. Cabe a Deus cuidar de todo mundo, cabe a cada um de nós respondermos pela própria conduta.

Que orientações você poderia nos dar para um significativo aprimoramento das nossas relações afetivas?

O Espiritismo ao apresentar na terceira parte de “O Livro dos Espíritos” as leis morais, apresenta as orientações seguras para que a gente possa ter uma vida interior melhor. Essas orientações se apoiam basicamente em dois princípios, em duas recomendações que os Espíritos nos colocam.

A primeira recomendação é do autoconhecimento: que você, ao final de cada dia, examine a conduta que você teve no dia anterior, olhando para como conviveu aquele dia, que você pode identificar de problemas e dificuldades de relacionamento e que você peça ajuda ao seu anjo guardião, para que no dia seguinte não repita aquela conduta equivocada.

Então, nós vamos melhorar muitos as nossas relações afetivas se a gente praticar essa técnica todos os dias na convivência, no interior do lar, no ambiente de trabalho, na vida social. Repassando o seu dia para identificar os prontos daquele dia que você precisa mudar, que você precisa aperfeiçoar, sem nenhuma preocupação em encontrar culpados ou culpas e para que no dia seguinte você possa resolver, possa viver diferente.

Que refaça o caminho mal trilhado, que busque acertar e corrigir aquilo que você errou naquele dia que viveu. Combine essa técnica de autoconhecimento com a prece, solicitando ao seu anjo guardião que lhe ajude, que lhe inspire, que lhe dê orientações para que possa melhorar o seu comportamento, convivendo com as pessoas da melhor forma possível, buscando ser útil, buscando viver com alegria, com otimismo, fazendo o bem que lhe compete fazer, agradecendo a Deus a oportunidade das lutas, das dificuldades, dos problemas que possam surgir no caminho, porque você tem a boa intenção de ser cada dia melhor e vai se esforçar para isso.

Publicação original de Jornal Vinha de Luz – Edição Comemorativa – Maio de 2018 – Fortaleza, Ceará. Publicação da Associação Espírita Vidal da Penha.


Todos os nossos produtos são criados para estudiosos da Filosofia Espírita e baseiam-se nas obras e pensamento de Allan Kardec. Todos os valores arrecadados são destinados ao Instituto IDEAK (Instituto de Divulgação Espírita Allan Kardec).

Este é um projeto: IDEAK | KARDECPEDIA | KARDECPlay