Como ser uma pessoa virtuosa em um mundo como a Terra? — Parte 6

É necessário o sofrimento para evoluir moralmente?

Resposta de Cosme Massi* na live “Como ser uma pessoa virtuosa em um mundo como a Terra?”, transmitida ao vivo em 06/09/2021, no Enconself 2021; realização da Sociedade Espírita Laços Fraternos.

Transcrição de Rui Gomes Carneiro.


O melhor caminho para a evolução moral é não esperar a dor e o sofrimento, embora a maioria de nós só se preocupe quando eles começam a acontecer. Esse é um grave erro nosso; nós temos que aprender algo muito simples: podemos aprender com a experiência alheia.

Eu me recordo de uma situação que aconteceu na minha juventude, que foi decorrência de aprendizado na minha infância. Eu convivi, quando criança, com minha avó, que era fumante. E acompanhei, ao longo dos meus 5, 6, 7, 8, 9 anos, seu sofrimento decorrente desse vício. Eu ouvia o médico falar que tudo era consequência desse hábito: “É o cigarro, dona Maria, é o cigarro que está lhe causando esse mal.” E ela sofreu durante muitos anos, e morreu de enfisema pulmonar; isso ficou muito marcado em mim.

Quando entrei na fase de 16, 17 anos da adolescência, era muito comum fumar, pois não havia, como existe hoje, muito esclarecimento sobre os malefícios do tabagismo, com uma relação de causalidade entre o cigarro e várias doenças; naquela época não existia isso, era moda, todo jovem pegava o cigarro e fumava. Recordo que no meu grupo de jovens, que incluía meus irmãos, vários pegavam o cigarro e fumavam, mas quando eu ia pegar eu me lembrava da minha avó, e pensava — Não, não vou passar pelo que ela passou. Eu aprendi com a experiência dela.

Eu nunca coloquei um cigarro na boca porque eu refletia: “Ela sofreu muito, eu não quero a minha velhice como a dela”.

Podemos aprender com a experiência alheia, não precisamos vivenciar os sofrimentos e as dores. Temos muito a aprender com os textos, com os grandes autores que relatam experiências dos outros. Aprender dessa forma é usar a razão, é usar a reflexão!

Mas, aqueles que não aprendem pela razão e pela reflexão, em algum momento serão atingidos pela dor decorrente de seus maus hábitos, e a constância do sofrimento irá cansá-los. Então muitas vezes a pessoa precisa dobrar-se pela amargura do sofrimento, às vezes precisa passar pela dor, e por isso está em “O Livro dos Espíritos” que a dor é o aguilhão que impele o Espírito para a frente, na senda do progresso.

A maioria de nós não gosta de ouvir a razão, prefere esperar que o problema surja, e isso causa um grave prejuízo para o progresso espiritual.

Assim, nós não precisaríamos viver a experiência do mal de forma nenhuma. Vivê-las é uma escolha nossa, e, se nós quiséssemos, teríamos, desde o começo, quando Deus nos criou, seguido unicamente pelo caminho do bem, sequer passando pela terceira ordem; poderíamos ter entrado direto na segunda ordem, sem passar pela ordem dos Espíritos imperfeitos. [Mais detalhes no livro “Espírito e matéria”, páginas 147 e seguintes.]

Mas nós fomos experimentando as paixões exageradas, fomos gostando, fomos nos entregando aos vícios sem fazer uso da razão. A questão 75 de “O Livro dos Espíritos” diz que a razão seria um guia infalível, se ela não fosse falseada pela educação, pelo orgulho, pelo egoísmo; e isso faz com que nós esqueçamos e deixemos de aprender com a experiência alheia.


Veja abaixo itens relacionados em “O livro dos Espíritos” e estude nas vídeoaulas do KardecPlay:

O Livro dos Espíritos > Parte quarta — Das esperanças e consolações > Capítulo II — Das penas e gozos futuros

1009 – (…) “Quem é, com efeito, o culpado? É aquele que, por um desvio, por um falso movimento da alma, se afasta do objetivo da criação, que consiste no culto harmonioso do belo, do bem, idealizados pelo arquétipo humano, pelo Homem Deus, por Jesus Cristo. “Que é o castigo? A consequência natural, derivada desse falso movimento; uma certa soma de dores necessária a desgostá-lo da sua deformidade, pela experimentação do sofrimento. O castigo é o aguilhão que estimula a alma, pela amargura, a se dobrar sobre si mesma e a buscar o porto de salvação. O castigo só tem por fim a reabilitação, a redenção. Querê-lo eterno, por uma falta não eterna, é negar-lhe toda a razão de ser. (…)

Paulo Apóstolo

O Livro dos Espíritos > Parte primeira — Das causas primárias > Capítulo IV — Do princípio vital > Inteligência e instinto. > 75 > 75-a

a) – Por que nem sempre é guia infalível a razão? “Seria infalível, se não fosse falseada pela má educação, pelo orgulho e pelo egoísmo. O instinto não raciocina; a razão permite a escolha e dá ao homem o livre arbítrio.

*Observação. O texto acima foi retirado de uma exposição de viva voz. Como todo ensino oral, esta colocação pode não ser tão rigorosa com os sentidos das palavras, por efeito da proximidade entre as pessoas que conversam. É preciso, por isso, considerar que as definições dadas podem ser provisórias, e que alguns termos são usados em sentido figurado. Em todo caso, o fundo da mensagem não deixa equívocos.


Cosme Massi é Físico, Doutor e Mestre em Lógica e Filosofia da Ciência pela UNICAMP. Foi professor, pró-reitor e diretor de diversas universidades no Brasil. Ganhador do Prêmio Moinho Santista em Lógica Matemática. Escritor, palestrante e estudioso das obras e do pensamento de Allan Kardec há mais de 30 anos. Idealizador do IDEAK (Instituto de Divulgação Espírita Allan Kardec) e da KARDECPEDIA, plataforma grátis para estudos das obras de Allan Kardec. Reúne mais de duzentas aulas de Espiritismo na plataforma KARDECPlay.


E então, já conhece e estuda com o KARDECPlay?

 O KARDECPlay é o Netflix de Kardec. São centenas de vídeos para estudar Espiritismo, com o pensamento e a obra de Allan Kardec;

 Toda semana vídeos novos na plataforma;

Canal no YouTube com resumos gratuitos de 1 a 2 min de cada videoaula;

 Estude 24h/dia onde e quando quiser;

Todo o valor arrecadado é investido na divulgação da doutrina espírita para o Brasil e o mundo.

Agora você pode estudar as videoaulas via App direto no seu celular. Disponível para download em iOS na App Store e para Android no Google Play. Clique no link para baixar:

Baixe VIDEOAULAS com o aplicativo de estudos KARDECPlay.
Baixe VIDEOAULAS com o aplicativo de estudos KARDECPlay.

Participe de nossa missão de levar Kardec para todo o mundo!


Todos os nossos produtos são criados para estudiosos da Filosofia Espírita e baseiam-se nas obras e pensamento de Allan Kardec. Todos os valores arrecadados são destinados ao IDEAK (Instituto de Divulgação Espírita Allan Kardec).

Este é um projeto:  IDEAK |  KARDECPEDIA  |  KARDECPlay  |  KARDECBooks