Como ser uma pessoa virtuosa em um mundo como a Terra? — Parte 3

Por qual vício devemos começar nossa reforma íntima?

Resposta de Cosme Massi* na live “Como ser uma pessoa virtuosa em um mundo como a Terra?”, transmitida ao vivo em 06/09/2021, no Enconself 2021; realização da Sociedade Espírita Laços Fraternos e transmissão da Rádio Espírita do Paraná.

Transcrição de Rui Gomes Carneiro.


Lembremos que tanto os vícios como as virtudes estão interligados entre si, quer dizer, os vícios não são estanques e separados, da mesma maneira que as virtudes também não o são.

Isso é muito importante, porque você não vai olhar para si mesmo e dizer: “ah! eu tenho 50 vícios, então eu tenho 50 tarefas graves para fazer”; não é assim! Porque os vícios estão ligados entre si; daí a sabedoria dos Espíritos que mandam praticar a caridade, já que ela é a síntese das virtudes.

No momento em que você faz o esforço da renúncia do interesse pessoal, no momento em que você resiste a qualquer tipo de mau pendor, você está combatendo vários vícios, está aprendendo a desenvolver várias virtudes.

Não devemos nos preocupar com quantidade, mas começar com aquilo que mais nos causa prejuízo, por onde está doendo o calo no sapato: onde está esse calo, onde está apertando, onde está o problema mais grave? É a inveja, é ela que você sente que é o que mais te incomoda? Você se sente muito incomodado e sofre? Então comece por aí! Ah, não, o meu caso é a raiva, eu fico com uma raiva que eu não aguento! Então pegue esta; “no meu caso é o ciúme, meu Deus como eu tenho ciúme das coisas”: pegue o ciúme. “Não, meu problema é a tristeza, eu vivo triste demais, eu vivo insatisfeito”: então pegue esse; escolha aquilo que mais o incomoda e ataque-o.

É sempre nessa dupla estratégia: resistindo, buscando usar a razão para combater sentimentos e buscando ações morais que sejam o oposto desse vício, que produzam o oposto, para que se possa ir destruindo esse vício moral. E assim você vai descobrindo que à medida que você vai enfrentando cada um deles, usando essas estratégias, outros vão desaparecendo junto, e você vai crescendo e aprendendo a superar.

Não conte quantos vícios e quantas virtudes já possui, ataque aquilo que for mais doloroso, ataque aquilo que mais incomoda, e você vai aprendendo a fazer o ataque a outros vícios morais, até porque a Providência divina nos ajuda com as tentações no caminho, não é?

Nós estamos vivendo as tentações, e aquilo que é mais tentação para a gente está na hora da gente atacar, porque se estamos muito provocados por aquela tentação é porque pedimos a Deus que nos colocasse naquele contexto, porque aquele vício moral era o mais importante a ser combatido por nós.

E isso varia de pessoa para pessoa, porque cada um sabe qual é a tentação que mais o incomoda!

O Livro dos Espíritos > Parte terceira — Das leis morais > Capítulo XII — Da perfeição moral > As paixões > 908.

“As paixões são como um corcel, que só tem utilidade quando governado, e que se torna perigoso quando passa a governar. Uma paixão se torna perigosa a partir do momento em que deixais de poder governá-la, e que dá em resultado um prejuízo qualquer para vós mesmos ou para outrem.”

“As paixões são alavancas que decuplicam as forças do homem e o auxiliam na execução dos desígnios da Providência. Mas se, em vez de as dirigir, deixa que elas o dirijam, cai o homem nos excessos e a própria força que, manejada pelas suas mãos, poderia produzir o bem, contra ele se volta e o esmaga.”


Quer saber mais sobre o aperfeiçoamento de si mesmo? Assista à live “O bom espírita” no canal Cosme Massi no YouTube, ou leia as transcrições no KARDEC.BLOG!

No KardecPlay você pode estudar este e outros temas com Cosme Massi!

*Observação. O texto acima foi retirado de uma exposição de viva voz. Como todo ensino oral, esta colocação pode não ser tão rigorosa com os sentidos das palavras, por efeito da proximidade entre as pessoas que conversam. É preciso, por isso, considerar que as definições dadas podem ser provisórias, e que alguns termos são usados em sentido figurado. Em todo caso, o fundo da mensagem não deixa equívocos.


Cosme Massi é Físico, Doutor e Mestre em Lógica e Filosofia da Ciência pela UNICAMP. Foi professor, pró-reitor e diretor de diversas universidades no Brasil. Ganhador do Prêmio Moinho Santista em Lógica Matemática. Escritor, palestrante e estudioso das obras e do pensamento de Allan Kardec há mais de 30 anos. Idealizador do IDEAK (Instituto de Divulgação Espírita Allan Kardec) e da KARDECPEDIA, plataforma grátis para estudos das obras de Allan Kardec. Reúne mais de duzentas aulas de Espiritismo na plataforma KARDECPlay.


E então, já conhece e estuda com o KARDECPlay?

 O KARDECPlay é o Netflix de Kardec. São centenas de vídeos para estudar Espiritismo, com o pensamento e a obra de Allan Kardec;

 Toda semana vídeos novos na plataforma;

Canal no YouTube com resumos gratuitos de 1 a 2 min de cada videoaula;

 Estude 24h/dia onde e quando quiser;

Todo o valor arrecadado é investido na divulgação da doutrina espírita para o Brasil e o mundo.

Agora você pode estudar as videoaulas via App direto no seu celular. Disponível para download em iOS na App Store e para Android no Google Play. Clique no link para baixar:

Baixe VIDEOAULAS com o aplicativo de estudos KARDECPlay.
Baixe VIDEOAULAS com o aplicativo de estudos KARDECPlay.

Participe de nossa missão de levar Kardec para todo o mundo!


Todos os nossos produtos são criados para estudiosos da Filosofia Espírita e baseiam-se nas obras e pensamento de Allan Kardec. Todos os valores arrecadados são destinados ao IDEAK (Instituto de Divulgação Espírita Allan Kardec).

Este é um projeto:  IDEAK |  KARDECPEDIA  |  KARDECPlay  |  KARDECBooks